Jornal O PODER

Seja bem-vindo ao Jornal O PODER

Política e Mercado

Notícias

13 de mai | Equipe O Poder

Em primeira mão - Reeleição ilegal na ALEPE

Foi iniciado hoje o julgamento virtual do processo referente ao caso da reeleição ilegal do presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado Eriberto Medeiros. Mas ainda não foi colocado nenhum voto. O resultado sairá na próxima semana.

VISTA PARA ELEIÇÃO EM ALAGOAS
O ministro do STF Nunes Marques pediu hoje vista no processo que questiona a realização de uma eleição indireta para governador e vice-governador em Alagoas. No momento da solicitação, Edson Fachin, Dias Toffoli, Alexandre de Moraes e Ricardo Lewandowski já haviam votado em sessão extraordinária do Plenário Virtual e seguido o parecer do relator Gilmar Mendes pelo seguimento do pleito. A eleição fica suspensa.

FACHIN ATACA OUTRA VEZ
Em nova fala em defesa do sistema eleitoral, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson Fachin, afirmou hoje que não permitirá "a subversão do processo eleitoral", e que "para remover a Justiça Eleitoral de suas funções" será preciso tirá-lo do cargo. "Diálogo sim, joelhos dobrados, jamais", afirmou. Indiretas para o presidente Bolsonaro e para as Forças Armadas, que prometeram uma resposta dura as acusações do TSE.

MOURÃO: ARBÍTRIO DO STF
O vice-presidente Hamilton Mourão criticou hoje a condenação do STF ao deputado federal Daniel Silveira, que sentenciou o parlamentar a 8 anos e 9 meses de prisão por ofensas verbas à corte e seus ministros. “Se eu sou ofendido, o que que eu faço? Vou em uma delegacia, faço um boletim de ocorrência e processo o cidadão que me ofendeu. Agora, no caso, o que estamos vendo é que, se eu for ministro do STF, eu mando prender. Então isso é um verdadeiro arbítrio”, afirmou Mourão em entrevista à Rádio Guaíba, de Porto Alegre.

GUERRA É GUERRA
Um dia depois da Finlândia anunciar seu interesse em fazer parte do tratado militar da Otan, a Rússia anunciou que suspenderá as exportações de energia para este país a partir de amanhã devido a problemas no recebimento de pagamentos. Os russos só aceitam o Rublo como moeda.

SUÉCIA SE BALANÇA PARA A OTAN
Governo sueco apresentou hoje relatório ao Parlamento defendendo pedido de ingresso no bloco do tratado militar da Otan. Nesta mesma sexta-feira, o presidente turco Erdogan se tornou o primeiro aliado a se opor à adesão da Finlândia e Suécia à Otan. Segundo ele, será mais um entrave ao processo.

CHINA APONTA DOIS PADRÕES DA ONU
O Ministério das Relações Exteriores da China criticou o Conselho de Direitos Humanos da ONU depois que adotou uma resolução sobre os abusos russos na Ucrânia, dizendo que o órgão retrata “padrões duplos”. O porta-voz Zhao Lijan acusou hoje o conselho de tolerar a agressão de algumas nações enquanto condena outras.