Jornal O PODER

Seja bem-vindo ao Jornal O PODER

Política e Mercado

Notícias

12 de mai | Equipe O Poder

Humberto é a carta na manga

Danilo Cabral, candidato de Paulo Câmara, não conseguiu empolgar até agora. O tempo que ele pode até ter lá na frente, falta na partida. Resultado: debandada geral. Para piorar, vem sendo veiculado nas redes internas o vídeo do seu entusiasmado voto no impeachement. Esculhambando Dilma e o PT. Danilo pediu licença do cargo de Secretário que ocupava na época e fez questão de votar de modo espetaculoso pelo Impeachment. Os petistas, até agora, não engoliram a traição. O resultado é que todo dia lideranças importantes abandonam Danilo. Para estancar a sangria, internamente, ainda à boca miúda, começou a ser cogitada uma solução na base do desespero: Humberto Costa seria candidato ao Governo. Danilo, seria deslocado para o Senado. Essa era a primeira opção do PT, rejeitada por Paulo Câmara. É a fórmula que está sendo repensada para tentar parar o furacão Marília e captar o voto de Lula, que não dá liga com Danilo. Pode ir adiante. Ou não. Paulo Câmara não quer abrir mão da cabeça de chapa para o PSB. Mas pode ser convencido de que pior é perder. No Palácio se comenta: "Até Anderson a gente aceita, menos Marilia". Indiscutível é que serão muitas emoções. Leia logo mais aqui no site e na edição PDF do Jornal O PODER PE das 13h.